terça-feira, 11 de abril de 2017

[Primeiras Impressões] Lacrymosa - Juliana Daglio

Descontrolados,

          Recebi da autora Juliana Daglio as 30 primeiras páginas de sua nova obra intitulada Lacrymosa e venho trazer para vocês minha opinião sobre ela. Mas antes vamos conhecer um pouquinho mais da autora também!


SOBRE A AUTORA: 


Vinte e poucos anos, Psicóloga Clínica, apaixonada por Psicanálise, viciada em Livros e amante do Rock Britânico. Desde criança foi vidrada em faz de conta e inventava inúmeros personagens para conversar. Assistia a filmes sobre vampiros já aos seis anos, mesmo que tivesse que se esconder atrás do sofá. Na adolescência, dizia que iria ser uma Libélula. Hoje em dia se diz uma adulta confusa, que ainda adora vampiros, não ganhou asas de libélula, mas escreveu um livro sobre elas, transformando seus personagens inventados em pessoas reais, embora sejam feitas de tinta e papel.

SOBRE A OBRA: 


Título: Lacrymosa
Autor(a): Juliana Daglio
Gênero: Terror/Suspense/Literatura Nacional
Sinopse: O nome dela não é Valery Green. Também não nasceu no Kansas, e sua família toda não morreu num acidente de carro onde ela foi a única sobrevivente. Nascida num mundo de trevas e segredos apocalípticos, a garota feita de mentiras luta dia após dia para ter uma vida longe de sua verdadeira identidade e de seu dom misterioso, o qual ela julga como uma maldição. Por cinco anos, ela conseguiu. Escondida na pacata Darkville, tornou-se uma respeitada Detetive, conhecida por sua frieza e eficácia no trabalho. Seu companheiro Axel parece ter orgulho de trabalharem juntos, até ficar frente a frente ao que encontraram na busca daquela noite - um demônio dentro de uma garotinha. Para ajudar a pequena Anastacia, Valery terá que colocar em risco o trabalho na polícia e seu relacionamento com Axel, recorrendo à ajuda do Padre Henry Chastain, um velho conhecido. Desenterrando um passado cheio de exorcismos, perseguições e batalhas contra demônios, esse reencontro não promete ser feito de abraços e boas-vindas. Chas, como ela o chama, é conhecido como o maior Exorcista vivo - a Espada de Sal do Vaticano, e é sua única esperança de lutar contra o novo inimigo, mas também representa o ponto fraco de si mesma e o acesso a um passado doloroso que pode despertar seus próprios demônios interiores.

          De início nos deparamos com uma garota de apenas 16 anos aprontando suas coisas e tendo que deixar as pessoas que mais ama para trás, deixando de ser quem era para se tornar Valery Green em um país estranho e reconstruir sua vida para não colocar a vida de sua família em risco. Ela acaba se tornando uma grande detetive, mas isso não a exime de seu passado e do que conhece, capaz de deixar qualquer um amedrontado.

"Pensando ou não nele, ouvindo ou não as canções sobre o número da besta, a garota a enxergava de diferentes formas, fazendo coisas diversas. Via as faces das pessoas distorcidas pelos demônios particulares em seus ombros. Ouvia os sussurros, sentia os cheiros pútridos."

         Valery soluciona casos sempre com muita frieza e perspicácia. Porém, ela juntamente com Axel, seu parceiro de trabalho, são chamados para tentar encontrar uma solução para o caso da família Benson. A família estava desaparecida e só havia um lugar, por sinal meio sombrio, que a polícia não havia investigado e era uma antiga propriedade dos Benson. Após certa relutância, Valery resolve ajudar seu parceiro a tentar solucionar o caso que parecia ser até simples, entretanto mostrou-se muito mais tenebroso e fruto de um dos maiores medos da nossa protagonista.

"Com o tempo, os humanos se fundiram tanto com sua própria capacidade de praticar o mal, que perderam a capacidade de sentir o mal genuíno."

          Esse foi o meu primeiro contato com a escrita da Juliana, mas tenho que dizer que fiquei absorta nessas poucas páginas que li. É uma trama bem intensa e marcante, com temas que ainda não tinha lido em nenhuma outra obra. A protagonista nos mostra o quão mórbidas podem ser as atitudes das pessoas e como tais ações podem estar travestidas.
          Confesso que não é o gênero que mais costumo ler e que com certeza sai completamente da minha zona de conforto, porém não me arrependo e quero muito terminar de fazer a leitura já que me deparei com uma mistura inebriante de sobrenatural com muito suspense e uma dose bem interessante de terror. Pelo pouco que li, dá para ver a preocupação da autora em desenvolver uma trama bem escrita, afinal tenho a convicção de que ela pesquisou muito antes de se arriscar na escrita de Lacrymosa.
          Não posso deixar de indicar a leitura para aqueles que gostam de um bom terror envolvendo o sobrenatural de forma excepcional. Vocês já conheciam a Juliana? Já leram alguma de suas obras e o que acharam? Pretendem ler Lacrymosa?

Bjux e até a próxima Descontrolados!

25 comentários:

  1. Miiih!!! Muito feliz por você ter dado uma oportunidade a Lacrymosa mesmo não estando acostumada a livros de Terror. E mais feliz ainda que gostou já das primeiras páginas <3
    Obrigada demais por ler e por resenhar com tanto carinho! <3

    <3
    Não vejo a hora de publicar ele inteiro!!

    ResponderExcluir
  2. Tô muito ansiosa para ler uma resenha completa da obra. Achei a histó bem dark com bastante suspense!! Adoro isso.

    ResponderExcluir
  3. Já é a segunda postagem que leio sobre esse livro, sempre primeiras impressões, vou aguardar a resenha completa. Curiosa.

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia a obra nem a autora, mas amei a resenha, achei o enredo um máximo e quero muito ler ! Parabéns!

    ResponderExcluir
  5. é bom quando um gÊnero que não temos habito de ler nos surpreende ^^
    vou aguardar resenha com sua opinião como um todo da obra...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  6. Já me encantei com a história por causa do perfil da autora (super me identifiquei).
    E o livro parece ser bem misterioso. Fiquei com vontade ler a obra

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Estou bastante animada a ler esse livro da autora, e espero que seja um sucesso, a Juliana é um amor.
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Olá, Michele!
    Adoro a Juliana e suas obras *-* Estou louca para ler Lago Negro. Já Lacrymosa chamou minha atenção no início, mas ao se tratar de exorcismos não me agradou mais haha Porém, parece ser bem escrito e fluído. Ótimo post!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.com.br

    ResponderExcluir
  9. Apesar de não conhecer nem a autora nem a obra, já me interessei bastante por ela. Que título interessante!

    ResponderExcluir
  10. Olá, já gosto da capa, mas também me atrai todos os elementos que a autora inseriu na trama, deixando a história mais densa. Se tiver oportunidade, quero ler!!! Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi michele, tem um bom tempo que não leio algo do gênero terror, e para primeiras impressões, gostei do que vi. Assim, vou anotar sua dica e ficar de olho em sua futura resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Estou muito doida pra ler esse livro! vi as postagens da autora.

    ResponderExcluir
  13. Oi, Mi!
    Também tive a chance de ler os primeiros capítulos da obra e me surpreendi também com a escritora da Ju. Ela simplesmente arrasou, fiquei até com medo em alguns pontos.

    ResponderExcluir
  14. Amo terror e suspense! E super me interessei por essa leitura. Parece ser bastante macabra. Já quero!!!

    ResponderExcluir
  15. OOi,Adoro posts de P.I
    Adorei o post e estou super animada por uma resenha!
    beijos

    ResponderExcluir
  16. olá!
    Eu estou encantada por essa capa. E se suas primeiras impressões foram essas, fico a imaginar a resenha do livro inteiro. Adorei!!
    Adoro suspense, mistério e terror. Já quero pra mim.
    Nizete
    Cia do leitor

    ResponderExcluir
  17. Oi Mi, tudo bem ?
    Eu achei a sinopse interessante, mas eu não gosto de livros de terror., a capa é bem chamativa, gostei dela, meu problema com capas continua rsrs. Ainda assim, gostei de sua resenha.
    Beijos.
    www.estilo-gisele.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Hey!

    Não conhecia a autora nem suas obras, achei a resenha muito interessante, me instigou a leitura, vou atrás dos outros livros dela para conhecer mais.

    Beijos.
    Fonte Literária.

    ResponderExcluir
  19. Olá Michele, eu venho lendo bastante primeiras impressões desse livro e todas me deixam empolgada, parece ser o tipo de livro que adoro *-* Não vejo a hora dele estar disponível para podermos lê-lo.

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  20. Olá...adorei saber mais sobre essa obra. Acho o trabalho da autora fantástico, li 'O Lago Negro' e estou doida pela continuação 💟

    Abraços

    ResponderExcluir
  21. De início a história não me chamou atenção, mas pode ser que na resenha completa eu acabe me atraindo mais... E é sempre bacana mergulharmos em novos gêneros.

    ;*

    ResponderExcluir
  22. Esse livro chamou minha atenção logo que vi a capa, depois veio a sinopse e me envolveu e então a sua resenha que me fez concluir que eu preciso mesmo ler esta história

    Adoro livros neste estilo e fiquei curiosa para conhecer Valery.

    ResponderExcluir
  23. Fico no aguardo da resenha, pra ter uma maior base da história, mas pela sinopse e sua opiniao inicial parece bom.

    ResponderExcluir
  24. Olha, qualquer presença de terror me faz querer passar longe... Tenho vontade de conhecer a escrita da Juliana mas não estou disposta a sair da minha zona de conforto como você fez, então escolherei outro livro dela pra ler.

    ResponderExcluir
  25. Não conhecia a autora e suas obras, mas de qualquer forma, parabéns por está dando o seu apoio. Irei aguardar a resenha apesar de não ser meu gênero de leitura espero sua opinião final sobre ele.

    ResponderExcluir